na cidade

Vem aí uma exposição de fotografia em homenagem aos pescadores de Setúbal

O evento faz parte do programa da Semana do Mar e do Pescador, que decorre até ao dia 7 de junho, segunda-feira.
Frente ribeirinha.

Setúbal é uma das cidades com maior tradição piscatória do País. Para homenagear esta profissão, a Câmara Municipal de Setúbal organiza a Semana do Mar e do Pescador que decorre até ao dia 7 de junho, segunda-feira. 

O lançamento do livro “Setúbal, Terra de Pescadores”, com texto de Patrícia Borges e fotografia de Nicola Lemonnier, e uma exposição fotográfica sobre a comunidade piscatória da cidade são os dois destaques do programa deste ano.

Patrícia Borges, professora adjunta da Escola Superior de Turismo e Tecnologia do Mar do Instituto Politécnico de Leiria e autora de várias publicações relacionadas com a temática da gastronomia do mar, partilha neste livro, editado pela autarquia, receitas relacionadas com o mar, as suas raízes e histórias.

Os protagonistas da publicação são os pescadores de Setúbal, retratados numa reportagem fotográfica de rostos, paisagens, artes de pesca e bairros onde vivem ou viveram. “Setúbal, Terra dos Pescadores”, que, além das receitas, conta a história de vida dos pescadores, mostra, igualmente, como a cidade se desenvolveu em torno da atividade piscatória.

Integrada no programa de atividades, esta segunda-feira, 31 de maio, é inaugurada uma mostra fotográfica de Nicola Lemonnier, com relatos visuais da comunidade piscatória. A exposição pode ser visitada até ao dia 7 de junho, segunda-feira, na Casa da Baía.

A terminar a Semana do Mar e do Pescador, no dia 7, a partir das 15 horas, realiza-se um encontro com ostricultores, no auditório do Ninho de Novas Iniciativas Empresariais de Setúbal, no primeiro piso do Mercado do Livramento.

O evento, que promove a valorização da ligação de Setúbal ao mar e aos pescadores, é organizado pela Câmara Municipal, União das Freguesias de Setúbal e juntas de freguesia de São Sebastião, de Gâmbia-Pontes-Alto da Guerra e do Sado, no âmbito do projeto Setúbal Terra de Peixe.

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA