na cidade

Setúbal vai ter um Passe Social Único em 2019

A medida, inserida na reestruturação dos transportes públicos, foi apresentada pela autarquia esta semana.

É já a partir de abril de 2019.

A política de transportes públicos do concelho vai sofrer várias alterações já a partir do próximo ano, através da transferência de competências da Área Metropolitana de Lisboa (AML) para os municípios. A decisão foi comunicada esta segunda-feira, 3 de dezembro, por Maria das Dores Meira, presidente da Câmara Municipal de Setúbal numa conferência de imprensa, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

Na sessão, a autarca deu conta das novidades previstas ao nível de mobilidade urbana. Em abril de 2019 será criado o Passe Social Único, com duas modalidades: um passe individual de âmbito municipal, no valor de 30€ e um intermunicipal ou metropolitano, com o custo de 40€.

Independentemente do tamanho do agregado, as famílias terão também dois novos passes familiares, um para o território do concelho, de 60€ e o outro a incluir a totalidade da AML, de 80€. O serviço público de transportes, em Setúbal, resultado da reestruturação da política da AML inclui ainda passes gratuitos para miúdos até aos 12 anos e a integração dos transportes escolares na rede da oferta pública existente.

Com a transferência de competências, os concelhos integrados nas respetivas áreas metropolitanas asseguram os serviços de transportes locais, ou seja, carreiras intramunicipais, enquanto as ligações entre municípios, as carreiras intermunicipais, ficam no domínio das áreas de Lisboa e do Porto.

No contexto da AML, a nova medida representa uma comparticipação global dos 18 municípios, de cerca de 31 milhões de euros, cabendo à região de Setúbal uma verba anual de mais de dois milhões de euros. “São mais dois milhões de despesas, sem qualquer contrapartida na receita, que a Câmara de Setúbal considera muito bem gastos pelos grandes benefícios, que trazem a uma grande parte da população, com enorme redução dos custos dos transportes para quem tem de fazer deslocações regulares”, sublinhou Maria das Dores Meira.

tags: 2019, Área Metropolitana de Lisboa, Câmara Municipal de Setúbal, carreiras, nova medida, Passe Social Único, passes familiares, transportes públicos