na cidade

Setúbal recebe prémio de eco-município

A Bandeira Verde, atribuída ao município sadino reconhece as boas práticas ambientais e sustentáveis do Concelho.
A cidade foi distinguida pelo terceiro ano consecutivo.

É mais uma boa notícia para o ambiente em Setúbal. Pelo terceiro ano consecutivo, o município foi distinguido com o prémio ECOXXI, pela Associação Bandeira Azul da Europa. A Bandeira Verde, que reconhece as boas práticas ambientais e sustentáveis na política pedagógica do Concelho foi entregue à vereadora do Ambiente da Câmara Municipal de Setúbal, Carla Guerreiro, pelo presidente da ABAE — Associação Bandeira Azul da Europa, José Archer, no passado dia 25 de outubro, sexta-feira, numa cerimónia na Lousã.

Para que um município seja distinguido com o galardão, tem de cumprir um conjunto de políticas, práticas e ações, que respeitem os princípios de desenvolvimento sustentável. A avaliação é feita anualmente pela comissão nacional da ABAE, com base em 21 indicadores e mais de 65 sub-indicadores. Dentro dos critérios avaliados pelo júri destacam-se as temáticas Educação para o Desenvolvimento Sustentável, Gestão de Recursos, Ordenamento do Território e Mobilidade, Sociedade Civil e Emprego, Turismo e Agricultura Sustentável. 

Setúbal destacou-se pelas boas práticas na área da Promoção da Educação Ambiental por Iniciativa do Município. Este indicador avalia o empenho dos municípios na formulação de uma estratégia de educação ambiental, através da criação de projetos de informação, educação e sensibilização ambiental nos equipamentos de educação ambiental, ou equiparados.

Carla Guerreiro, vereadora do Ambiente da autarquia recebeu o prémio a 25 de outubro.

O projeto pedagógico “Maleta Sustentável”, desenvolvido para a comunidade escolar de Setúbal, em 2018 juntamente com os municípios de Palmela e Sesimbra, por iniciativa da Agência de Energia e Ambiente da Arrábida, também foi um exemplo distinguido pela comissão de avaliação.

O projeto “Maleta Sustentável” traduz-se numa ferramenta pedagógica e inovadora para as escolas. O objetivo é preparar os alunos para a transição do atual modelo de exploração dos recursos do Planeta para os novos modos de atuação e interação com o meio envolvente. Este ano, concorreram 53 municípios ao Programa ECOXXI, a maioria da região norte e centro do País, tendo sido atribuídas 48 bandeiras verdes. 

tags: ambiente, Associação Bandeira Azul da Europa, bandeira verde, Câmara Municipal de Setúbal, ECOXXI, sustentabilidade