na cidade

Setúbal recebe evento inédito em Portugal sobre limpeza de cenários de crime

O live show da Deathclean decorre no dia 27 de novembro, sábado, no Cinema Charlot. Já pode comprar os bilhetes.
Limpam os cenários de crime que ninguém quer ver.

Homicídios, suicídios, crimes, traumas e locais contaminados de risco biológico são alguns dos cenários típicos dos thrillers da Netflix ou dos grandes policiais, certo? Porém, tudo o que vemos nestas produções é, em grande parte, ficção. Aliás, na maioria das vezes, nem sequer tem uma ligação à realidade.

Já alguma vez parou para pensar quem limpa a cena do crime depois de a polícia ter investigado o caso? Pois bem, se está atento aos outdoors da cidade, já deve ter reparado na publicidade à Deathclean. Se ainda não pesquisou sobre a marca nas redes sociais, nós explicamos-lhe tudo.

A Deathclean nasceu em 2008 e é a primeira e a única empresa europeia responsável e acreditada para a intervenção em locais contaminados de risco biológico, onde estão presentes microrganismos capazes de originar qualquer tipo de infeção, alergia ou toxicidade no corpo humano. Basicamente, são os funcionários da empresa que têm o conhecimento e o equipamento para limpar devidamente locais com resíduos biológicos. Falamos, por exemplo, de sangue e outros fluídos corporais, que entram em decomposição e podem tornar-se num risco para a saúde.

Mas há mais: a empresa opera em cenários de sujidade extrema, como é o caso de habitações atulhadas em lixo por acumuladores compulsivos. Com o objetivo de dar a conhecer ao público as histórias de um crime scene cleaner, a Deathclean vai organizar um live show no próximo dia 27 de novembro, sábado, no Cinema Charlot – Auditório Municipal, às 10 horas.

O evento será conduzido por Pedro Badoni, diretor e fundador da empresa. Os responsáveis pela Deathclean avançaram à New in Setúbal que “o live show consiste na apresentação de imagens de cenários reais onde ocorreu a morte, quer por suicídio, homicídio ou morte natural”. E acrescentaram: “ao longo da apresentação é descrita a história por detrás do cenário e revelamos o que está por detrás do pano que é desconhecido pelo cidadão comum”.

Um dos cenários.

Se leu o artigo até aqui e quer participar na sessão, só tem de entrar no site da empresa e comprar o bilhete que custa 19,99€. Na compra de dois bilhetes, terá como oferta um ingresso adicional. O evento terá a duração de duas horas e, no final, há espaço para a colocação de questões pelos participantes que devem ter mais de 18 anos.

Badoni, empresário de 41 anos, tinha apenas 28 quando criou a Deathclean, a empresa por detrás dos anúncios que tanta curiosidade têm despertado. Ligado desde novo à Proteção Civil, percebeu em 2008 que havia um nicho por explorar — e o clique deu-se quando assistiu a “Cleaner”, filme no qual Samuel L. Jackson tem como profissão a limpeza de cenas de crime.

Uma das sedes da Deathclean fica em Setúbal, na Avenida Mestre Lima de Freitas, Lote 90 Armazém G4 e G5.

O cartaz.

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA