na cidade

Praias de Melides e Carvalhal já têm bibliotecas para ler à beira-mar

Se estiver de férias em Grândola, não precisa de andar carregado com um arsenal de livros e revistas.
Há muitas opções.

Mais do que apanhar sol e dar mergulhos na água, a praia é também um dos melhores locais para pôr a leitura em dia e terminar finalmente aquele livro que anda há meses na estante a apanhar pó. Se por acaso passar as férias em Grândola, não precisa de andar carregado: as praias de Melides e Carvalhal já têm as famosas bibliotecas à beira-mar.

A iniciativa, que funciona com apoio de uma esplanada, disponibiliza cerca de 250 títulos (renovados mensalmente) que os banhistas podem consultar no local ou até mesmo requisitar para leitura até ao final de agosto. Com o objetivo de promover o livro e a leitura, na Biblioteca na Praia encontra de tudo um pouco: desde livros a jornais diários e revistas.

O projeto, implementado pelo município de Grândola no início da década de 90 e que regressa aos areais todos os anos, pretende “promover hábitos de leitura em tempo de férias”. Grândola foi um dos municípios pioneiros no País a implementarem este equipamento cultural numa praia. 

Estes locais de leitura à beira-mar funcionam de segunda-feira a sábado, entre as 10 e as 18 horas, e são assegurados por dois jovens em cada uma das praias. Nestas bibliotecas de praia pode encontrar livros de vários géneros, jornais nacionais, regionais e locais, bem como uma variedade de revistas de informação, cultura, viagens, saúde e desporto.

Se ainda não decidiu o que vai ler nas férias, carregue na galeria para conhecer algumas sugestões da NiT que vale a pena descobrir este verão.

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA