na cidade

Pousada de Setúbal deve reabrir em 2020 com o dobro dos quartos

O projeto de remodelação do hotel foi apresentado esta quinta-feira, 27 de setembro. Vão ser melhoradas as acessibilidades, o restaurante e a receção.

O novo hotel vai ter uma piscina.

As Pousadas de Portugal apresentaram esta quinta-feira, 27 de setembro, o projeto para a reabertura da Pousada de Setúbal, no Forte de São Filipe. O investimento, na ordem de um milhão de euros prevê a reconfiguração da arquitetura desta unidade hoteleira.

A intervenção de remodelação e ampliação vai duplicar a capacidade dos quartos, passando de 16 para 35 unidades. A receção vai mudar de sítio e o restaurante irá ser todo modificado, além da melhoria dos acessos do Forte de São Filipe para pessoas com mobilidade reduzida. A grande novidade é que o hotel vai ter piscina. 

Dado o aumento do número de quartos, o Pestana Hotel Group (PHG) vai acrescentar mais dez postos de trabalho aos 15 já existentes.

Apesar de ter sido apresentado esta quinta-feira, o projeto já tinha dado entrada na Câmara Municipal de Setúbal em finais de março e aguarda aprovação dos técnicos. Só depois de aprovado é que começam as obras, que devem demorar um ano. A abertura oficial está prevista para 2020.

No discurso de apresentação, Luís Castanheira Lopes, presidente das Pousadas de Portugal, afirmou que: “A concretização deste projeto é a realização da visão que temos para a marca Pousadas de Portugal, ao contribuir para a dinamização da economia local de uma região em franco crescimento, não só através do reforço da unidade hoteleira, mas também com a criação de postos de trabalho.”

A Pousada de Setúbal fechou em 2014, devido a problemas na estabilização da encosta da Serra da Arrábida, que estão a ser resolvidos pela autarquia.

tags: apresentação, Forte de São Filipe, Pestana Hotel Group, piscina, Pousada de Setúbal, Pousadas de Portugal, projeto de reabertura