na cidade

O seu filho não gosta de ir ao médico? Este evento vai ajudá-lo a perder o medo

O Hospital dos Pequeninos traz a 7.ª edição à cidade no próximo fim de semana, 6 e 7 de abril. A entrada é livre.
E ainda podem vestir a bata.

Se nunca ouviu falar da “síndrome” da bata branca, então é um sortudo. Pode significar que nem os mais novos, nem os mais velhos da família manifestaram medo de ir ao médico. Sim, porque não são só os mais pequenos que têm receio de ir às consultas. Há, no entanto, uma solução prática e divertida para convencê-los de que não existe mal nenhum em frequentar unidades de saúde.

O Hospital dos Pequeninos, uma iniciativa da Associação de Estudantes da Faculdade de Medicina de Lisboa (AEFML), irá realizar, à semelhança de anos anteriores, a 7ª edição do projeto em Setúbal, no próximo fim de semana, dias 6 e 7 de abril, das 10 às 17 horas, no Porto de Setúbal — Cais 3. A entrada é gratuita para todas as famílias, “basta trazerem um boneco que tenha um ‘dói-dói’ e vontade de brincar”, explica a organização.

O grande objetivo desta ação — e, na verdade, da própria instituição — é reduzir a ansiedade e o medo da bata branca, ou seja, da presença de um profissional de saúde. Destina-se a miúdos com idades entre os três e os sete anos e pretende-se sempre chegar ao maior número de pessoas possível, para que se desmistifiquem mitos e se esclareçam todas as dúvidas.

Neste tipo de atividade, “a criança leva um peluche ou boneco e percorre um conjunto de estações, que simulam os diferentes serviços hospitalares, sendo médico por um dia e responsável por cuidar do seu boneco”. O Hospital dos Pequeninos, como explica o site oficial, foi criado e desenvolvido pela European Medical Students Association (EMSA), organização constituída por várias associações de estudantes de Medicina na Europa. Já contou com a participação de países como Suécia, Alemanha, Áustria, Croácia e Reino Unido.

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA