na cidade

O hotel mais romântico do País fica a 1 hora de Setúbal (tem quase 250 anos)

O Valverde Sintra Palácio de Seteais — antigo Tivoli Palácio de Seteais — é um dos locais mais icónicos desta vila romântica.
Vai deslumbrar-se. (DR)

Nem sempre é fácil apresentar um local que fala por si. Há a tentação de tentar descrever sítios idílicos como se fossem difíceis de alcançar — não é o caso. O Palácio de Seteais é um hotel, mas completa o património histórico da vila de Sintra e, mais que isso, é (mesmo) um local mágico, com paisagens naturais e vistas privilegiadas para a Serra de Sintra, o Castelo dos Mouros e para o Palácio da Pena, além da história com milhares de anos.

O Valverde Sintra Palácio de Seteais fica a cerca de uma hora de Setúbal. Foi construído no século XVIII pelo Cônsul da Holanda em Portugal, Daniel Gildemeester, num terreno cedido pelo Marquês de Pombal. Depois da sua morte, vários reis, rainhas, duques e marqueses viveram lá. Em 1800, Seteais passa para a posse do 5.º marquês de Marialva, que acrescentou o arco de triunfo da entrada, em 1802, como homenagem ao príncipe regente e futuro rei D. João VI. Após mudanças sucessivas de proprietários, foi adquirido pelo Estado, em 1946.

Em 1955, o grupo Tivoli começa a gestão do espaço, como hotel, até 2023. Volvidos 68 anos, a exploração do palácio cabe agora ao grupo Valverde, que venceu o concurso público de gestão hoteleiro, passando a chamar-se, desde 1 de janeiro de 2024, Valverde Sintra Palácio de Seteais. Esta foi a primeira vez, desde a abertura, que a propriedade foi objeto de um concurso público.

O hotel dispõe de 30 quartos, com valores a começar nos 270€, divididos em seis tipologias: Deluxe Garden, Deluxe Pool, Deluxe vista Vale, Prestige, Junior Suíte e Suíte Real com vista. São “adornados com pinturas opulentas, tapetes sumptuosos e frescos de requintada beleza”, além de serem “um refúgio de sofisticação e serviço inigualáveis, ideal para quem procura um hotel elegante com um serviço excecional”, lê-se no site.

Não nos podemos esquecer da decoração. São duas ruas paralelas que conduzem ao palácio, formado por dois edifícios, divididos pelo arco, e diferentes na sua decoração exterior. No lado esquerdo, onde está o hotel, era a zona residencial, enquanto o lado direito era usado como anexo. A inspiração foi o traçado arquitetónico neoclássico, com linhas elegantes, simétricas e harmoniosas.

Com a nova concessão, vão ser investidos “22 milhões de euros para a conservação e valorização do edifício e dos jardins. O programa será implementado de imediato e manter-se-á ininterrupto até ao último ano da concessão” diz o Grupo Valverde, em comunicado. O spa tem em vista remodelações, sendo que, por enquanto, mantém os mesmos serviços. Há ainda oferta gastronómica com “os pratos e garrafeira únicos” do hotel Valverde Sintra Palácio de Seteais.

A complementar o serviço de hospedagem e os cenários mágicos da Sintra romântica, há também piscina exterior, golfe, clube de ténis e salas de reuniões. O mais difícil vai ser mesmo resistir ao passeio no grande jardim, que é imagem de marca do local. “Embarque numa viagem através do tempo e do luxo ao entrar num palácio romântico repleto de história”, é o convite deixado pelo grupo.

De seguida, carregue na galeria para conhecer melhor o Valverde Sintra Palácio de Seteais.

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA