na cidade

José Mourinho recebeu o título de Professor Honoris Causa em Setúbal

A distinção foi atribuída pelo Instituto Politécnico de Setúbal esta quinta-feira, 7 de outubro.
Mais uma distinção para o técnico.

O treinador de futebol setubalense José Mourinho foi distinguido esta quinta-feira, 7 de outubro, com o grau de Professor Honoris Causa do Instituto Politécnico de Setúbal (IPS), prémio atribuído pela primeira vez por esta instituição. Apesar de não estado presente, o atual técnico do Roma deixou uma mensagem de agradecimento divulgada durante a sessão comemorativa do Dia do IPS.

“Por um lado, agradecimento pela honra que me deram. Já tinha recebido este título de Professor Honoris Causa na minha faculdade, mas não na minha cidade. É uma honra para mim que pensem que sou merecedor. Por outro lado, pedir-vos desculpas por não poder estar presente”, afirmou o Special One.

A instituição justificou a distinção pela “personalidade de excelência” de José Mourinho, nascido e criado em Setúbal e com “reconhecido mérito a nível internacional”. O treinador, de 58 anos, já tinha sido agraciado, em 2009, com o título de Doutor Honoris Causa da Faculdade de Motricidade Humana da Universidade de Lisboa, antigo Instituto Superior de Educação Física, onde tirou o curso de Educação Física, em 1987.

Em 2017, a Câmara Municipal de Setúbal decidiu homenagear o técnico, ao atribuir o seu nome a uma avenida da cidade. A Avenida José Mourinho, junto à Praia da Saúde e Parque Urbano de Albarquel, é uma das zona mais importantes e movimentadas de Setúbal.

José Mourinho orientou no futebol português os clubes do Benfica (2000), União de Leiria (2001/02) e F. C. Porto (2002-2004), além dos ingleses do Chelsea (2004-2007 e 2013-2015), do Manchester United (2016-2018) e do Tottenham (2019-2021), os italianos do Inter Milão (2008-2010) e da Roma (desde 2021) e dos espanhóis do Real Madrid (2010-2013). Entre 25 títulos conquistados, o setubalense venceu oito campeonatos nacionais, duas edições da Liga dos Campeões e duas da Liga Europa.

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA