na cidade

Foi adiada a reabertura do Convento de Jesus em Setúbal

A cerimónia marcada para maio foi cancelada pela autarquia por causa do surto de Covid-19.
Pátio do Convento de Jesus. Foto: CMS.

A reabertura dos novos espaços reabilitados no Convento de Jesus, inicialmente marcada para 16 de maio, foi cancelada no âmbito das medidas de contenção da propagação da Covid-19. A notícia foi avançada pela Câmara Municipal de Setúbal esta terça-feira, 31 de março. Ainda não foi anunciada uma nova data. 

As obras de reabilitação incluíram a restauração total do interior e fachada do Convento de Jesus, um novo jardim no Largo de Jesus e requalificação da zona envolvente, com destaque para um troço da antiga muralha da cidade, que vai passar a ter estacionamento para cerca de 200 lugares. 

Além da cerimónia de inauguração, o programa iria contar com várias atividades culturais nos dias 17 e 18, música, exposições e visitas ao monumento nacional, onde foi ratificado o famoso Tratado de Tordesilhas em 1494. O edifício do Convento de Jesus foi fundado em 1490 pela ama do rei D. Manuel I, Justa Rodrigues Pereira. D. João II mandou ampliar o projeto, entregando-o ao arquiteto Diogo Boitaca quatro anos mais tarde.

A igreja do Convento de Jesus é um dos maiores tesouros do património da região e é também o exemplo de um monumento nacional de estilo manuelino. O interior é conhecido pelas suas colunas feitas em brecha da Arrábida. 

tags: adiamento, Câmara Municipal de Setúbal, Convento de Jesus, coronavírus, reabertura, setúbal

outros artigos de na cidade

mais histórias de Setúbal