na cidade

Atenção, famílias: o evento “Há Festa no Parque” regressa ao Jardim do Bonfim

Atividades desportivas, teatro e música são algumas das iniciativas que vão acontecer este fim de semana, 28 e 29 de maio.
O Jardim do Bonfim recebe a 14.ª edição do evento.

O ano letivo está a chegar ao fim e, para celebrar a data, nada melhor do que levar os miúdos a divertirem-se. Este fim de semana, dias 28 e 29 de maio, há imensas atividades que vão acontecer no Jardim do Bonfim e são todas gratuitas.

A 14.ª edição do “Há Festa no Parque” é a iniciativa que vai animar o seu fim de semana com atividades desportivas, exposições, música e teatro. Das 10 às 19 horas, em ambos os dias, o Jardim do Bonfim vai encher-se de famílias prontas para a diversão.

Para quem adora atividades desportivas, o evento inclui uma programação para os dois dias com trampolins, slide, rapel e demonstrações de modalidades como râguebi, bicross, skate, ténis, andebol e crossfit. Haverá também um circuito de prevenção rodoviária dinamizado com o apoio da GNR.

Além da componente desportiva, o fim de semana tem reservados espetáculos de marionetas, como “Os Robertos”, pela Valdevinos Teatro de Marionetas, e “A Grande Corrida”, pela Formiga Atómica e ainda oficinas lúdico-pedagógicas para trabalhar o barro, com a Oficina Olaré, e de criação de eco-brinquedos e de marionetas, com a Oficina Re(Criativa).

O recinto recebe também uma feira do livro com animações de leituras e apresentações literárias por autores, bem como uma área dedicada à alimentação saudável e mostras de trabalhos de alunos de escolas do concelho, de projetos inseridos no programa “Escola Azul”, “Setúbal Composto Tem + Valor” e “O Pai Já Vai”.

A Sociedade Musical Capricho Setubalense e o Conservatório Regional de Setúbal darão música à iniciativa, sendo que os visitantes podem ainda participar nas aulas abertas de dança da Academia de Dança Contemporânea de Setúbal.

Uma das novidades deste ano é uma área dedicada à memória e identidade de brincar, com destaque para o projeto “Museus de Brincar”, de Paula Moita e Leonardo Silva, que inclui jogos tradicionais. Há também uma zona dedicada à ciência e tecnologia, dinamizada pelo Instituto Politécnico de Setúbal e Ciência Viva.

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA