na cidade

Arrábida Walking Festival tem um novo percurso inclusivo

O passeio para pessoas com deficiência visual inclui uma viagem às Grutas Artificiais do Casal do Pardo a 29 de março.
O objetivo do evento é descobrir o património da Arrábida.

O Arrábida Walking Festival, o primeiro evento dedicado à descoberta do património do Parque Natural da Arrábida através de caminhadas, decorre de 27 a 29 de março. A um mês do arranque do festival foi lançado um novo percurso inclusivo para pessoas com deficiência visual no dia 29 de março, domingo.

O passeio acessível inclui uma viagem sensorial às Grutas Artificiais do Casal do Pardo, na Quinta do Anjo, onde os participantes vão conhecer a história do monumento e os seus rituais. A visita termina com uma degustação dos licores da Casa do Arrabidine

Ao todo, o percurso tem 3,5 quilómetros. O ponto de encontro está marcado para as 10 horas no Espaço Fortuna. O final da aventura está previsto para as 12h30. A participação é gratuita, mas tem de se inscrever no site da Biotrails. O formulário vai ficar disponível em breve. Deve levar roupa e calçado confortáveis, água e lanche. A visita será orientada pela Equipa Museu Municipal de Palmela — Serviço Educativo. 

Pode ver o programa completo e as descrições dos outros percursos online. Se ainda não se inscreveu, tem mesmo de ser rápido, porque alguns dos dias já esgotaram. 

O evento é co-organizado pela Biotrails e os municípios de Palmela, Setúbal e Sesimbra, com o patrocínio da Associação Baía de Setúbal. A Biotrails — Trilhos de Biodiversidade é uma empresa com sede em Palmela que oferece várias experiências ao ar livre, como tours pela serra, caminhadas e atividades de birdwatching.

tags: Arrábida Walking Festival, Biotrails, Casa do Arrabidine, degustação, palmela, percurso inclusivo

outros artigos de na cidade

mais histórias de Setúbal