fit

Vem aí um festival de caminhadas para descobrir os segredos da Arrábida

A primeira edição do Arrábida Walking Festival está marcada para o final de maio.
Já pode começar a treinar.

Um festival de caminhadas percorre nos dias 28, 29 e 30 de maio o Parque Natural da Arrábida. Os participantes vão poder desvendar o património natural e os vestígios arqueológicos deste território que abrange os concelhos de Setúbal, Palmela e Sesimbra.

O evento é o Arrábida Walking Festival, uma organização conjunta entre os municípios de Setúbal, Palmela e Sesimbra e a Biotrails. No fundo, o festival vai juntar participantes e disponibilizar vários percursos pedestres por todo o Parque Natural da Arrábida, como um trilho entre o Forte de S. Filipe, em Setúbal, e o Castelo de Palmela e uma caminhada pelo Cabo Espichel, em Sesimbra.

Além de estimular estilos de vida saudáveis, o evento pretende dar uma oportunidade diferente aos visitantes de conhecer locais da Arrábida que muitas vezes passam despercebidos, em experiências que possibilitam uma interação muito próxima com os vários ecossistemas que constituem esta área protegida.

O festival inicia-se, a 28 de maio, com o Percurso-O Entre Castelos (Grande Rota Arqueológica), com partida do Castelo de Palmela e paragens no Forte de São Filipe, na estrada romana do Grelhal e nos conventos de São Paulo e dos Capuchos. Seguem-se os passeios Percurso de São Luís a Palmela e Serra do Louro by Night. O segundo e o terceiro dias do evento reservam vários passeios em simultâneo pelas serras de São Francisco, dos Pinheirinhos e do Louro, e pela Serra da Azoia, com passagens, por exemplo, pela Praia da Baleeira, outrora palco da pesca à baleia e abrigo de embarcações romanas, e pelo Santuário do Cabo Espichel.

Os participantes têm ainda a oportunidade de conhecer a Ilha da Ácala, o nome dado pelos romanos à Península de Troia. A par do programa central de passeios pedestres, focado no tema “A Grande Rota Arqueológica”, o evento traz um programa complementar de atividades, nomeadamente para crianças e jovens, bem como com passeios fora do âmbito da serra propriamente dita, casos de visitas guiadas aos centros históricos das cidades organizadoras, degustações gastronómicas e provas de vinhos.

Há ainda visitas acompanhadas por guia ao Palácio e Quinta da Bacalhôa e aos conventos de S. Paulo e dos Capuchos de Alferrara, em Setúbal, e aos Moinhos do Vento de Palmela.

Na página da Biotrails estão disponíveis mais informações sobre o evento, além de ser possível a compra dos bilhetes. O passe para o festival dá acesso a várias caminhadas, enquanto que a modalidade de bilhete simples permite um passeio pedestre e custa 24€ até 15 de maio, passando a 28€ no decurso do evento. Os bilhetes simples custam 13€ até 15 maio, com o valor a subir aos 15€ a partir dessa data.

Inicialmente apresentada a 20 de janeiro de 2020, na Quinta do Piloto, em Palmela, a primeira edição do Arrábida Walking Festival foi adiada de março desse ano para maio de 2021, devido às restrições impostas pela crise sanitária mundial. Pelo mesmo motivo, a programação do Arrábida Walking Festival foi reorganizada de forma a garantir uma maior segurança, com menos participantes por atividade.

O evento conta com o patrocínio da Setubal Bay – Associação da Baía de Setúbal e os apoios da Quinta do Piloto, Rota de Vinhos da Península de Setúbal, Caetano Drive Volkswagen, Associação de Municípios da Região de Setúbal, Revista Passear.com e ainda a New in Setúbal.

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA