cultura

Teatro O Bando apresenta “Ti Miséria” em dezembro

As sessões estão agendadas para sábados às 17 horas e domingos às 11 horas.
"Ti Miséria".

É já no próximo mês de dezembro que sobe ao palco “Ti Miséria” com o Teatro O Bando, em Vale dos Barris, Palmela. De 3 a 18 de dezembro s sessões estão agendadas para sábados às 17 horas e domingos, às 11 horas.

A “Ti Miséria” é a personagem mais mítica do Teatro O Bando. Ela amassa o tempo da mesma forma que amassa os seus bolos, os seus bolinhos. Queixava-se que lhe subiam à nogueira e lhe roubavam as nozes, o seu único tesouro. Um dia descobriu uma maneira de não voltar a acontecer. Descobriu também uma maneira de enganar a morte e, por isso, continua a aquecer o forno e a cozinhar os seus bolos, porque ela nunca a virá buscar. 

Este espetáculo a partir do conto tradicional galego “Nós de um segredo”, numa encenação de João Brites com Paula Só, tem a duração de 30 minutos e é para maiores de seis anos. Paula Só interpreta esta personagem extraordinária que nasceu em 1986 no espetáculo “Nós de um segredo”. 

Vá até sua casa, entre e faça-lhe companhia. Sinta o cheiro dos bolos que cozinha e ouça a incrível história de como a “Ti Miséria” enganou a morte. É também por isso que ela continua a existir, a resistir e a espantar-nos. Para saber mais informações e fazer as reservas ligue para o número de telemóvel 910 306 101 ou envie um email para bilheteira@nullobando.pt.

Fundado em 1974 e constituindo-se como uma das mais antigas cooperativas culturais do País, o Teatro O Bando assume-se como um coletivo que elege a transfiguração estética enquanto modo de participação cívica e comunitária. Na génese do Bando encontram-se o teatro de rua e as atividades de animação para a infância, em escolas e associações culturais, integradas em projetos de descentralização.

As criações do Bando definem-se pela sua dimensão plástica e cenográfica, marcada sobretudo pelas máquinas de cena, objetos polissémicos que transportam em si uma ideia de ação. O trabalho dramatúrgico é também muito importante, apresentando a explícita colagem de materiais literários e a inclusão de manifestações de raiz popular. 

Na sua maioria de autores portugueses, os textos encenados são a grande parte das vezes obras não dramáticas, às quais a forma teatral, nas múltiplas linguagens que integra, confere outra comunicabilidade. Depois de ocupar diversas moradas, o Bando está atualmente instalado numa quinta em Vale dos Barris.

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA