cultura

Pearl Jam participam em disco solidário a favor do aborto seguro e legal

A compilação dos temas de vários artistas vai estar disponível esta sexta-feira, 7 de outubro.
A banda está junta há mais de 30 anos.

Os Pearl Jam fazem parte da indústria da música há mais de 30 anos, e o seu impacto não diminuiu com o passar das décadas. Além dos álbuns e concertos que esgotam rapidamente, o grupo de Seattle gosta de participar em iniciativas solidárias. A última foi anunciada esta terça-feira, 4 de outubro. A banda vai participar numa compilação a favor do aborto seguro, com o objetivo de angariar fundos para organizações de caridade.

O disco, intitulado “Good Music To Ensure Safe Abortion Access To All”, conterá gravações inéditas, entre canções novas, remisturas, versões ao vivo e maquetas. Este será disponibilizado no Bandcamp na próxima sexta-feira, 7 de outubro, pelas 8 horas.  E estará disponível apenas neste dia. Além dos Pearl Jam, a compilação conta com a participação de My Morning Jacket, Bob Weir, King Gizzard and theLizard Wizard, Soccer Mommy, Amanda Shires e Jason Isbell, Ty Segall, The Regrettes, Tenacious D, Sleater-Kinney, Fleet Foxes, Death Cab For Cutie, Wet Leg e Mac DeMarco

Todo o dinheiro conseguido com a venda do disco será doado a associações como a Brigid Alliance, que oferece apoio logístico, com pagamento de viagens e alojamentos às mulheres que pretendem fazer um aborto seguro nos Estados Unidos. Este direito foi revogado no início de 2022 pelo Supremo tribunal do país.

Os Pearl Jam anunciaram ainda no Twitter que a participação da banda será com versão ao vivo de “Porch,” uma das faixas do lendário disco Ten, lançado em 1991.

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA