cultura

Partilha de contas na Netflix pode acabar já em abril

A plataforma de streaming anunciou que as pessoas terão a hipótese de pagar mais se quiserem continuar a partilhar a conta.
Ainda não se sabe o preço.

Há vários meses que a Netflix tem dito que vai começar a limitar a partilha de contas. No ano passado começaram os testes em vários países da América do Sul, com a promessa de que o modelo seria alargado ao resto do mundo. Segundo a “The Verge”, que cita um comunicado da plataforma quinta-feira, 19 de janeiro, poderá alastrar-se a partir de abril.

“Enquanto os nossos termos de utilização limitam o uso da Netflix a apenas uma casa, reconhecemos que isto é uma mudança para os membros que partilham a sua conta de forma mais abrangente”, pode ler-se no comunicado. “Os membros de muitos países vão ter a opção de pagar um extra se quiserem partilhar a Netflix com pessoas com quem não vivem.”

A plataforma de streaming admite que esta medida poderá ser recebida com uma série de “cancelamentos”, mas acredita que a longo prazo vai resultar “numa melhor receita generalizada”. Ainda não se sabe os preços nem foi confirmada uma data certa.

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA