cultura

Afinem as gargantas: já abriram as inscrições para o Concurso de Fado de Setúbal

Os interessados em participar na competição devem apresentar a sua candidatura até dia 15 de outubro. A final é em novembro.
Também já há datas para as semifinais.

As inscrições para a 13.ª edição do Concurso de Fado de Setúbal, que procura novos talentos nesta área musical, abriram esta sexta-feira, 1 de outubro. A iniciativa, organizada pela Câmara Municipal de Setúbal em conjunto com a Sociedade Musical Capricho Setubalense, é composta por duas semifinais, a 23 de outubro e 6 de novembro, e pela gala final com os seis candidatos apurados.

A gala está marcada para o dia 13 de novembro, sábado, nas instalações da Capricho Setubalense. As entradas para as sessões custam 5€ (semifinais) e 10€ (final). As reservas devem ser feitas através do email capricho.setubalense@nullgmail.com.

O concurso é aberto à participação de pessoas de todo o País com, pelo menos, 16 anos completados até ao final do ano. As inscrições devem ser feitas até ao dia 15 de outubro, sexta-feira, na Divisão de Cultura da Câmara Municipal de Setúbal, ou através do email dicul@nullmun-setubal.pt.

O concurso atribui prémios monetários aos participantes e distingue o melhor fadista, de acordo com avaliação feita pelo júri, constituído por três elementos. Depois, o público também terá uma palavra a dizer e eleger o seu favorito. O vencedor da competição recebe um prémio no valor de 600€ e o convite para integrar o cartaz musical da Feira de Sant’Iago 2022. Os fadistas classificados no segundo e no terceiro lugares ganham 400€ e 300€, respetivamente.

Os classificados em quarto, quinto e sexto lugares recebem, cada um, 100€. O vencedor do Prémio do Público tem direito a 150€ e a atuar na Feira de Sant’Iago 2022. Já o melhor fadista do concelho de Setúbal é distinguido com uma menção honrosa.

O Concurso de Fado de Setúbal, de âmbito nacional, realizado desde 2009, destina-se à projeção de novos fadistas e à divulgação de um dos estilos musicais portugueses mais importantes, considerado, desde 2011, Património Cultural e Imaterial da Humanidade.

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA