cultura

Há uma nova confirmação no cartaz do festival FUMINHO

O concerto do duo setubalense Um Corpo Estranho acontece no dia 24 de outubro, domingo, num spot secreto da cidade.
Já pode comprar os bilhetes. Foto: Rui David.

Por causa da pandemia, milhares de espetáculos foram cancelados em Portugal, o que fez com que os músicos e a comunidade artística em geral passassem por dificuldades inesperadas. Com as novas medidas de desconfinamento, os concertos foram retomados, com horários ajustados às regras das autoridades de saúde.

Com o objetivo de voltar a trazer música à cidade, foi criada a primeira edição do FUMINHO, o novo festival de música de Setúbal com um ciclo de mini-concertos que decorre até dezembro em vários sítios secretos de Setúbal. Este evento é organizado pela Experimentáculo que, entre 2010 e 2015, organizou o FUMO, que tinha como objetivo a promoção de locais de valor histórico e cultural de Setúbal, através de espetáculos musicais e não só.

Depois do concerto de estreia com Fado Bicho e, a seguir, o espetáculo de Tó Trips, o programa segue com a participação do duo setubalense Um Corpo Estranho. Os músicos João Mota e Pedro vão apresentar-se no dia 24 de outubro, domingo, num sítio secreto da cidade revelado no próprio dia do evento. O concerto começa às 17 horas.

Pedro Franco e João Mota tocam juntos desde os 16 anos e a música sempre fez parte do seu imaginário. “Tivemos algumas bandas de garagem num estilo mais acústico e de folk e costumávamos ir para a praia da Figueirinha tocar guitarra”, conta à New in Setúbal, Pedro Franco.

Estiveram vários anos sem terem contacto, mas reencontraram-se no Teatro da Trindade quando Pedro estava a fazer a banda sonora e a sonoplastia de um espetáculo produzido por uma companhia de Santa Iria da Azoia. “Ele foi ver a minha peça e disse-me que tinha umas canções e que gostava de criar um projeto”, explica João Mota.

“Como era guitarrista dos Hands on Approach, senti que queria começar um caminho próprio baseado em originais e ao lado de alguém com quem já tinha uma ligação de cumplicidade a amizade”, diz Pedro. Ambos escrevem as letras das canções, que interpretam em português. O processo de criação passa por experiências da vida pessoal desconstruídas para o universo da banda.

O projeto musical nasceu em 2009 e o primeiro EP composto por cinco temas, editado pela associação juvenil Experimentáculo surgiu em 2012. Seguiram-se depois o disco de estreia “De não ter tempo” (2014) e “Pulso” (2016). Entre os períodos de pausa, Pedro e João compuseram peças para teatro físico, como “A Almofada da Paula”, baseada na obra da pintora Paulo Rego, “A Velha Ampulheta” e “Qarib”, sendo que estes dois últimos são criações do encenador e produtor Ricardo Mondim.

Os recintos vão sendo revelados ao longo dos cinco meses do festival e estão limitados a 20 espectadores por sessão. Os bilhetes para este concerto de Um Corpo Estranho custam 10€ e as reservas devem ser feitas através do email festivalfumo@nullgmail.com. Para acompanhar as novidades do cartaz do festival, pode consultar as páginas de Instagram ou Facebook do Fuminho.

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA