cultura

Há um escultor de Setúbal presente na Bienal de Montreux na Suíça

Pedro Marques foi um dos 32 artistas selecionados para marcar presença na mostra, que decorre até 20 de outubro.
Para vencer o prémio do público, o setubalense precisa do seu voto. Foto: CMS.

O escultor Pedro Marques, natural e residente em Setúbal está na lista dos 32 artistas selecionados para expor uma das suas obras, na 6.ª Bienal de Montreux. A mostra decorre até 20 de outubro, domingo, na Suíça.

Na Bienal de Montreux, Pedro Marques concorre ao prémio do júri e ao prémio do público, com uma escultura em forma de garrafa. No caso do galardão do público, a votação está nas mãos da população. Para ajudar o escultor a tornar-se no primeiro português a vencer um prémio na Bienal de Montreux, só tem de votar online. Ao entrar no link, deve preencher os campos obrigatórios indicados a vermelho (nome e mail) e selecionar o número 27 — Pedro Marques.

A 6.ª Bienal de Montreux conta com a participação de artistas de todo o mundo. As obras são expostas no Lago de Genebra e devem obedecer a critérios artísticos e técnicos. O prémio do público é atribuído ao artista mais popular e que recebeu o maior número de votos durante a exposição.

A obra de arte selecionada permanecerá em Montreux até a próxima Bienal, ou seja, por um período de dois anos. Já o prémio do júri é dado ao artista selecionado pelo painel de profissionais da área. A escultura vencedora será depois adquirida pelo município de Montreux e ficará exposta na cidade, de forma permanente.

tags: artes, Bienal de Montreux, escultura, Pedro Marques, Suíça, votações