cultura

Festival Internacional de Mulheres Palhaças passa por Setúbal este mês

O evento acontece nos dias 10 a 16 de maio na Casa da Cultura. Há um espetáculo, uma formação e uma conferência.
Jimena Cavalletti é a convidada desta edição.

Teresa Ricou e Aida Cardinali são duas das primeiras mulheres palhaças em Portugal. Durante vários anos, a profissão viveu na clandestinidade, já que era vista como uma atividade de homens. 

O TEM GRAÇA — Festival Internacional de Mulheres Palhaças surgiu com o objetivo de dar voz à comunidade de mulheres palhaças através da troca de experiências entre as profissionais e o público. A edição deste ano começa em Setúbal, entre os dias 10 e 16 de maio, na Casa da Cultura com a palhaça argentina Jimena Cavalletti.

O programa inclui um espectáculo, uma formação e uma conferência, de entrada livre. O espetáculo “Mecha Show You”, que retrata um programa de entretenimento sobre uma mulher antidepressiva, decorre no dia 16 de maio, às 17 horas, em frente à Casa da Cultura. 

A entrada é livre mas, por causa da limitação dos lugares, é obrigatório inscrever-se através do email rececao.casacultura@nullmun-setubal.pt. As inscrições para a oficina de Jimena Cavalletti também já estão abertas e podem ser feitas online. Com este curso, os participantes vão poder descobrir o seu corpo como matéria única e cómica. 

Por último, está ainda prevista uma conferência sobre linguagem clownesca, com a participação de Jimena Cavalletti e as palhaças Graça Ochoa e Catarina Mota. O evento é no dia 14 de maio, sexta-feira, às 18 horas, no Auditório da Escola de Hotelaria e Turismo de Setúbal. Se quiser participar deve enviar um email para rececao.casacultura@nullmun-setubal.pt.  

Jimena Cavalletti é atriz e técnica em Direção Teatral pelo Instituto Andamio 90, em Buenos Aires, Argentina. É professora universitária de Expressão Artística Corporal no Instituto Universitário Nacional de Artes da Argentina.

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA