cultura

Concertos, filmes e exposição: já sabemos a data da nova edição do Festival Língua Terra

Realiza-se de 1 a 8 de junho. O objetivo do evento é apresentar a diversidade cultural (e os artistas) da língua portuguesa.
São três concertos imperdíveis.

É certo que Setúbal apresenta, ao longo de todo o ano, um vasto programa cultural, marcado pela diversidade de arte e de artistas. Pois bem, um dos eventos que marca a importância de celebrar a língua portuguesa, um símbolo de união entre povos, é o Festival Língua Terra, que está de regresso à cidade.

É entre os dias 1 e 8 de junho que chega a quarta edição da iniciativa, “com apresentações musicais de artistas destacados, exposição de artes plásticas e um ciclo de cinema que abre fronteiras à multiculturalidade do Língua Terra”, explica a organização do evento. Os artistas convidados são o símbolo “diversidade cultural e linguística unidas pelo idioma português”.

A diretora artística do Língua Terra, Mônica Cosas, destaca “a importância do festival como uma plataforma para criar conexões poéticas e estéticas entre África, Europa e América Latina. O projeto visa romper fronteiras físicas e simbólicas, resgatando conexões ancestrais e promovendo reflexões sobre a diversidade cultural”.

Os concertos decorrem no Fórum Municipal Luísa Todi, com destaque para as atuações de Mart’nalia e Moska (Brasil) a 1 de junho, seguido por Karyna Gomes (Guiné-Bissau) que sobe ao palco dia 7, com Princezito (Cabo Verde), Renma (Guiné-Bissau) e Prodígio (Angola), para uma homenagem ao centenário do revolucionário Amílcar Cabral. Tiganá Santana (Brasil) que se faz acompanhar por Mayra Andrade (Cabo Verde) e Lenna Bahule (Moçambique), no encerramento do festival, a 8 de junho.

A programação inclui também um ciclo de cinema na Casa das Imagens Lauro António, com exibição de vários filmes, como “Ilú Obá De Mim”, uma homenagem à icónica cantora Elza Soares. Além disso, pode visitar a exposição do artista plástico Sidney Cerqueira, nascido na Guiné-Bissau e radicado em Portugal, com obras artísticas que abordam questões sociais.

Os bilhetes para os concertos podem ser adquiridos online, no site da BOL, ou presencialmente, no local. A entrada para as sessões de cinema e a exposição é gratuita, sujeita à lotação da sala, com marcações através do email casadasimagens@nullmun-setubal.pt.

O Festival Língua Terra é promovido pelo Município de Setúbal, sob a direção artística de Mônica Cosas, e conta com o apoio da Ibermusicas e co-financiamento da DGARTES, no âmbito da RTCP. Siga o Instagram e o Facebook do projeto para ficar a par das novidades. 

Veja na lista abaixo a programação completa do evento.

Programação da 4.ª edição do Festival Língua Terra

1 de junho

— Concerto de Mart’nalia e Moska, no Fórum Municipal Luísa Todi. Horário: 21h30. Preço dos bilhetes: 20€.

— Ciclo de cinema com Ilú Obá de Min, de Beto Brant, na Casa das Imagens Lauro António. Horário: 16 horas. Entrada livre, mediante lotação da sala.

5 de junho

— Ciclo de cinema com Pipoca Moderna, de Hélder Lopes, na Casa das Imagens Lauro António. Horário: 16 horas. Entrada livre, mediante lotação da sala.

7 de junho

— Concerto de Karyna Gomes convida Princezito, Renma (concerto “Cantar para melhor agir” em comemoração aos 100 anos do revolucionário Amílcar Cabral), no Fórum Municipal Luísa Todi. Horário: 21h30. Preço dos bilhetes: 10€.

— Ciclo de cinema com Frevo Michiles, de Hélder Lopes, na Casa das Imagens Lauro António. Horário: 16 horas. Entrada livre, mediante lotação da sala.

— Inauguração da exposição de Sidney Cerqueira, “Uma mistura de cores, estilo e responsabilidade social”, no Fórum Municipal Luísa Todi. Entrada livre.

8 de junho

— Concerto de Tiganá Santana convida Mayra Andrade, Lenna Bahule, no Fórum Municipal Luísa Todi. Horário: 21h30. Preço dos bilhetes: 20€.

 

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA