cultura

Auditório do Cinema Charlot vai reabrir com lotação limitada

É obrigatório o uso de máscara no interior do edifício e seguir outras regras de higiene
Deve respeitar a distância de segurança.

O Cinema Charlot — Auditório Municipal, em Setúbal, vai reabrir no próximo dia 8 de junho, segunda-feira. O equipamento regressa com uma programação regular de cinema, e novas regras de higiene e segurança para conter a propagação do novo coronavírus. 

Nesta fase de pós-confinamento, a capacidade da sala vai estar limitada e é obrigatório o uso de máscara pelos funcionários e clientes. As instalações da bilheteira voltam a funcionar a partir de 2 de junho, terça-feira, mas apenas para dar informações sobre a programação.

Como é habitual, as sessões vão decorrer diariamente às 21h30, e aos sábados e domingos também às 16 horas. Os bilhetes custam 4,50€ para o público em geral e 3,50€ para estudantes, detentores de cartão jovem e pessoas com mais de 65 anos. 

Mosquito”, a segunda longa-metragem de João Nuno Pinto, com João Nunes Monteiro, Sebastian Jehkul, Filipe Duarte, Josefina Massango e Filipe Duarte no elenco, e que abriu o International Film Festival Rotterdam 2020, apresenta-se no Cinema Charlot nos dias 8, 9 e 10 de junho. 

No dia 11, é a vez de “Bacurau”, o filme com que Kleber Mendonça Filho e de Juliano Dornelles venceram o Grande Prémio do Júri na edição de 2019 do Festival de Cannes. Ainda em junho, de 18 a 24,  vai estar em exibição “Quarto 212“, uma comédia de Christophe Honoré, com as participações de Chiara Mastroianni, Benjamin Biolay, Vincent Lacoste, Kolia Abiteboul, Camille Cottin e Carole Bouquet.

Entre os dias 25 de junho e 1 de julho, no Cinema Charlot — Auditório Municipal passa “A Vida Invisível”, realizado por Karim Aïnouz, com a participação das atrizes Julia Stockler, Carol Duarte e Flávia Gusmão. 

O Cinema Charlot retoma a sua programação regular em parceria com a Associação Festroia, com exibições diárias. Entre os dias 9 e 15 de julho promove as sessões do projeto Set’Curtas, em que se inclui o Dia de Festa, de Sofia Bost, Ruby, de Mariana Gaivão, e Cães que Ladram aos Pássaros, de Leonor Teles.

A Câmara Municipal de Setúbal fechou o espaço cultural em março e suspendeu todas as atividades agendadas, no âmbito das medidas de contenção da pandemia de Covid-19. Para saber mais informações sobre o programa da sala de cinema, pode ver a página de Facebook do Cinema Charlot — Auditório Municipal.

tags: Câmara Municipal de Setúbal, Cinema Charlot, coronavírus, medidas de prevenção, reabertura, setúbal

outros artigos de cultura

mais histórias de Setúbal