compras

O mundo está à beira da extinção: chegaram as Crocs com pelo para o inverno

Forrados com pele sintética felpuda, existe versão de sandália clássica (fechada à frente) ou aberta com duas tiras.
As sandálias que causam sempre polémica.

Embora muitos portugueses não saibam, as Crocs surgiram em 2002 para serem usadas por marinheiros em embarcações. Na altura, tinham três funções: serem confortáveis, ter um efeito antiderrapante na sola e não acumular água. Depois de lançado o primeiro modelo, o seu valor ergonómico e design que faz lembrar um crocodilo — a razão por trás do nome — chamou à atenção do mundo. E o resto da história já todos conhecemos.

A opinião geral é que as sandálias de borracha, com buracos, merecem um lugar de destaque entre os mais feios da indústria do calçado. A revista “Time”, em 2010, elegeu mesmo estes sapatos como “uma das 50 piores invenções da história”.

Ainda assim, o sucesso da empresa nunca esmoreceu. Ao longo dos anos, têm surgido várias parcerias — muitas delas inusitadas — com marcas de luxo como a Balenciaga, celebridades como Bad Bunny e até insígnias de cosméticos, como a Benefit. E normalmente quando pensamos que já vimos todas as possibilidades, voltamos a ser surpreendidos com opções arrojadas ou divertidas. É o caso das novas Crocs, forradas com pelo.

Existem dois modelos disponíveis em três cores diferentes.

Este é um upgrade no modelo clássico e fresco que se transformou numa versão aconchegante para os dias mais frios. O forro é feito de pele sintética felpuda e existem dois tipos de formatos: o habitual, fechado à frente, e o em chinelo, com duas tiras (como as famosas Birkenstock).

Ambos os modelos estão disponíveis em três cores. O primeiro em preto, branco e lilás; e o segundo em azul-claro, bordou e branco. Custam 60 e pode encontrá-los à venda no site da JD Sports, onde estão disponíveis entre os números 34 e 43, consoante a cor.

Carregue na galeria para conhecer vários modelos de Crocs que encontra no mercado, dos mais absurdos àqueles que até pode querer adicionar à sua lista de compras.

ver galeria

MAIS HISTÓRIAS DE SETÚBAL

AGENDA