comida

Sem Horas: a nova petisqueira de Setúbal

O mais recente restaurante do Largo da Misericórdia vai servir petiscos das 8h30 às 23 horas.

Há um novo espaço para juntar os amigos a petiscar em Setúbal. Chama-se Sem Horas e vai abrir esta semana no Largo da Misericórdia. Com uma esplanada perfeita para aproveitar os finais de dia deste verão, o espaço vai estar aberto todos os dias, das 8h30 às 23 horas.

A ideia de criar o projeto da petisqueira surgiu há um ano e o conceito baseia-se nos petiscos e nas tábuas. “O nome vem exatamente do facto de não haver horas para o cliente comer o que quer à hora que quiser”, conta à New in Setúbal, Paulo Gouveia, 48 anos, formado em topografia na área de construção e um dos gerentes do restaurante que, a partir das 16 horas terá também um barman a fazer cocktails.

Os petiscos do Sem Horas incluem ovinhos mexidos com cogumelos e bacon estaladiço (4,8€), folhadinhos de queijo de Azeitão e compota (3,5€), folhadinhos de sapateira (4€), bruschettas de atum, sardinha, cavala em azeite a sério (4,8€), asinhas de frango picantes com sementes de sésamo (6,5€), pataniscas de polvo (7,5€), camarão na frigideira com alho, malagueta e gengibre (10€), pica-pau de atum (9,5€), choco frito (10€) e ostras ao natural (1,5€).

Já a tábua de pequeno-almoço custa seis euros e tem fruta da época, granola caseira, iogurte natural/mel e bagel com compota. A tábua de queijos (11€) tem quatro queijos, compota, frutos secos, azeitonas marinadas e pão. A tábua de enchidos (12€) tem três enchidos, queijo de Azeitão, azeitonas marinadas, salada de tomate com manjericão e pão.

Há ainda tábuas de peixe, carne, veggie e a tabuinha (5€) criada a pensar nas crianças, com bife de frango, batata frita ou arroz. Além dos petiscos e das tábuas, a carta aposta fortemente nos produtos e vinhos regionais, como queijos, compotas e doces tanto para consumo próprio como para venda ao público.

Todos os dias, a partir das 16 horas, vai haver um barman a fazer cocktails

Na ementa, a doçaria regional inclui produtos confecionados na Confeitaria de São Julião, em Palmela como a tarte de requeijão com mel da Arrábida (2€), a tarte Santiago (2,75€), a tarte moscatel (2,75€), a tarte D. Filipe (2,75€), o pastel de moscatel (1,5€), o pastel de laranja de Setúbal (1,5€), o pastel de choco (1,5€), o pastel de Santiago (1,5€), a queijada do Anjo (1,2€), a torta de Azeitão (1,8€) e o pastel de nata (1,1€).

O objetivo do proprietário é cativar as pessoas que trabalham nos vários serviços da Baixa e que gostem de petiscar durante a semana ou ao fim de semana. “A nossa ideia é mesmo trazer mais pessoas à Baixa e ao Largo da Misericórdia”, explica. A poucos dias da inauguração oficial, Paulo Gouveia assegura à New in Setúbal que “o conceito do horário sem restrições é a parte inovadora do projeto único, em Setúbal”.

Quem manda nisto tudo?

Nome: Paulo Gouveia

Idade: 48

Prato favorito: Bife à portuguesa

Guilty pleasure: Comer um bom pastel de nata

Convença-nos a visitar o espaço: “Venham conhecer um espaço agradável e uma referência no atendimento ao cliente”

tags: novidade nis, petiscos, Sem Horas, tábuas

localização, contactos e horários

morada
  • Sem Horas [ver mapa]
    Largo da Misericórdia, 56
    2900-052 Setúbal
site e redes sociais

ficha técnica

intervalo de valores
Entre 10€ e 20€