comida

Pastelaria Regional Cego: casa das verdadeiras tortas de Azeitão (e não só)

O espaço centenário, no centro da vila, é famoso pelas especialidades da doçaria caseira.
Os mémés são dos doces mais apreciados.

Quem visita Azeitão tem de parar obrigatoriamente em pelo menos dois locais: na Pastelaria Regional Cego e na Casa Museu José Maria da Fonseca, curiosamente ambas na Rua José Augusto Coelho. Com 118 anos de história, a pastelaria tem muitas especialidades da doçaria regional famosas em todo o País.

Além das tortas de Azeitão originais, o espaço tem um doce muito particular e único: os mémés feitos de massa filo, requeijão de ovelha e doce de ovos, a 0,85€/unidade. E chamam-se assim porque são pequenos e por levarem requeijão de ovelha.

Mas também pode experimentar os esses de Azeitão, amores (suspiros com amêndoa torrada) delícias com bolo de leite, tranças, mimos (doce de ovos com amêndoa torrada), pastéis de moscatel, laranja, requeijão de ovelha e amêndoa, sem esquecer os queijos, moscatéis e chás. A maioria dos bolos são recriações pensadas por José Augusto, responsável pelo espaço. Os preços rondam os 0,90€ a 1,30€/unidade.

O negócio familiar foi fundado em 1901 por Manuel Rodrigues, que cegou quando era novo, daí o nome cego. Homem dos sete ofícios casou com Teresa Prata, cozinheira, que começou por confecionar os esses, os amores, as tortas e a encharcada, com base em receitas da doçaria conventual. Mais tarde, em 1975 a casa foi parar às mãos de Augusto Pinto, com larga experiência no ramo da hotelaria. Atualmente é o filho, José Augusto, 55 anos, que dirige a pastelaria, onde começou a trabalhar com o pai desde os 15.

Publicado por Pastelaria Regional Cego, Lda em Quinta-feira, 4 de junho de 2015

“É uma casa familiar especializada em doçaria regional de Azeitão, onde procuramos oferecer um fabrico caseiro e o mais artesanal possível”, conta à New in Setúbal, José Augusto. Parte da decoração mantém os traços originais do espaço, com azulejos típicos portugueses a representar imagens da vila e alguns produtos vendidos na pastelaria.

Com mais de um século de tradição, os clientes têm atravessado gerações. E claro também não faltam turistas de várias nacionalidades, que ficam totalmente rendidos aos encantos e sabores da vila.

Quem manda nisto tudo

Nome: José Augusto 
Idade: 55
Prato favorito: Peixe assado
Guilty pleasure: Delícias
Convença-nos a visitar o espaço: “Venha saborear as nossas especialidades da doçaria regional numa casa com um século de história e tradição”

tags: Azeitão, doçaria caseira, esses, mémés, mimos, Pastelaria Regional Cego, tortas de Azeitão

localização, contactos e horários

morada
  • Pastelaria Regional Cego [ver mapa]
    Rua José Augusto Coelho, 150
    2925-539 Setúbal
site e redes sociais
horários
  • Quarta a segunda
  • Das: 08:00
  • Às: 22:00